Como um Help Desk traz vantagem competitiva para sua empresa?

A tecnologia já possui um papel de destaque no meio corporativo. E, nesse cenário, é crucial que a empresa tenha mecanismos para reduzir custos e tornar a infraestrutura de TI mais eficiente.

Uma das formas de atingir esse objetivo é a criação de um HelpDesk bem estruturado, que auxilie o negócio a ter uma rotina com melhor desempenho, em que erros não causem um grande impacto.

Além disso, um HelpDesk pode auxiliar o negócio de diferentes formas. Conheça algumas abaixo!

Identificando como os usuários se relacionam com a infraestrutura de TI

Conhecer como as pessoas da empresa lidam com a infraestrutura de TI facilita o direcionamento dos investimentos e dos processos de gestão. Com o auxílio das informações coletadas durante o atendimento de chamados, o HelpDesk consegue rastrear os sistemas mais importantes e as rotinas comuns a diferentes áreas.

A partir da análise dessas informações, a companhia consegue identificar quais são as soluções críticas para o empreendimento. Isso permite o desenvolvimento de políticas de gestão de TI mais alinhadas às rotinas do negócio e o investimento em soluções que tenham um retorno maior.

Levantando dados para a otimização dos serviços de TI

HelpDesk não deve ser apenas um setor que atua apagando incêndios. Ele também precisa incluir rotinas para que a companhia consiga rastrear falhas e pontos que necessitam de melhorias.

Criando um histórico de falhas mais frequentes, o HelpDesk será capaz de sugerir mudanças na infraestrutura de TI. Processos de manutenção, assim como as configurações de dispositivos podem ser modificados para que erros em equipamentos e sistemas importantes sejam menos frequentes.

Dessa maneira, não só a carga de trabalho do setor será menor, mas a empresa também terá fluxos de trabalho com números de gargalos operacionais reduzidos.

Históricos sobre a infraestrutura de TI e a rotina dos usuários

A longo prazo, o HelpDesk dá ao gestor uma visão ampla sobre o funcionamento da infraestrutura de TI e como cada usuário lida com os equipamentos e o setor.

Isso deve ser visto como um fator estratégico para a empresa, que poderá direcionar com precisão as atividades de técnicos e analistas, além de verificar se o SLA de serviços de TI está sendo cumprido com precisão.

Verificando a satisfação dos usuários com o setor de TI, a empresa pode avaliar se as ações tomadas pela área são realmente eficazes em criar um ambiente de trabalho de alta performance.

Ao mesmo tempo, conhecer como os dispositivos são utilizados é a chave para que as rotinas de manutenção preventiva passem a ter um papel estratégico, sendo responsáveis por uma configuração otimizada de cada equipamento.

Além disso, a avaliação do funcionamento das soluções contratadas pelo negócio dará a gestores uma capacidade maior de identificar contratos que geram lucro baixo ou que podem ser ajustados para terem um custo menor.

Assim, a companhia poderá manter apenas as soluções com um elevado custo-benefício e que estejam alinhadas com o seu perfil.

Como a sua empresa lida com as necessidades de usuários? Quais são os processos de TI adotados para o suporte em casos de problemas? Compartilhe com a gente nos comentários!

Deixe seu comentário