Movidesk é selecionada para o programa Scale-up da Endeavor

scale-up-movidesk
scale-up-movidesk

A Endeavor Brasil, organização mundial de fomento ao empreendedorismo, divulgou as empresas catarinenses para seu programa de aceleração, o Scale-up, que seleciona anualmente empresas de todo o país para receber apoio e mentorias, além de participar da rede de conexões.

A iniciativa apoia empreendedores que estão se destacando pelo alto crescimento, nos mais diversos setores e regiões, por meio da conexão direta com uma rede de mentores, formada pelos principais líderes empresariais do país. O objetivo é que os selecionados aprendam com quem já fez e potencializem o impacto dos seus negócios para a geração de novos empregos.

As 21 empresas selecionadas para a edição empregaram em 2017 mais de 850 pessoas e em 2018 esse número já subiu para 1400 – a média de crescimento foi de 52% nos últimos três anos. “É um privilégio participar do Scale-Up Endeavor. Estamos muito contentes por ter sido selecionados no programa.  Nosso intuito é compartilhar conhecimento e conexões junto ao time da Endeavor, mentores e outras empresas participantes para evoluirmos cada dia mais”, relata Edson Maestri, COO da Movidesk.

Na última edição do programa foram 23 empresas de Santa Catarina participantes, mais de 260 empregos criados e um aumento médio de 126% na receita dos negócios, em apenas sete meses. “Fizemos uma busca muito intensa para selecionar essa turma de empreendedores. Encontramos empresas que estão crescendo, gerando empregos e seus empreendedores são referência para Santa Catarina. Queremos empoderá-los para serem exemplos e ajudem novos empreendedores do estado”, comenta Guilherme Lopes, líder Endeavor de Santa Catarina

A Endeavor é uma das principais organizações sem fins lucrativos de apoio a empreendedores no mundo. No Brasil desde 2000, já ajudou a gerar quase R$ 4 bilhões em receitas anualmente e mais de 20.000 empregos diretos por meio de programas de apoio a empreendedores, além de capacitar mais de 10 milhões de brasileiros com programas educacionais presenciais e à distância.

 

 

Deixe seu comentário

Leia também: