Organograma

Organograma é um gráfico que representa a unidade estrutural l de uma organização. Credita-se a criação dos primeiros organogramas ao norte-americano Daniel C. McCallum, administrador de ferrovias, no ano de 1856.

Os organogramas mostram como estão dispostas unidades funcionais, a hierarquia e as relações de comunicação existentes entre estes. Os órgãos são unidades administrativas com funções bem definidas.

Exemplos de órgãos:

  • Tesouraria,
  • Departamento de Compras,
  • Portaria,
  • Biblioteca,
  • Setor de Produção,
  • Gerência Administrativa,
  • Diretoria Técnica,
  • Secretaria,
  • etc.

Os órgãos possuem um responsável, cujo cargo pode ser chefe, supervisor, gerente, coordenador, diretor, secretário, governador, presidente, etc.

Normalmente tem colaboradores (funcionários) e espaço físico definido. Num organograma, os órgãos são dispostos em níveis que representam a hierarquia existente entre eles.

Em um organograma vertical, quanto mais alto estiver o órgão, maior a autoridade e a abrangência da atividade.

Conselho Regional de Administração de São Paulo. A ciência da administração. São Paulo, CRA-SP, 2007.