Skip links

Central de Serviços Compartilhados: 5 dicas para otimizar a gestão da sua empresa

CSC: 5 dicas para otimizar a gestão da sua empresa

CSC: 5 dicas para otimizar a gestão da sua empresa

Seja para cuidar das atividades financeiras, contabilidade, RH, TI, logística ou outras necessidades, as empresas que optam pelas Centrais de Serviços Compartilhados (CSC) têm um alvo: manter a competitividade.

Os dados mostram que essa estratégia realmente contribui para o sucesso. Um levantamento feito pela revista Fortune demonstrou que, entre as 100 maiores companhias do mundo, 90 utilizam esse sistema.

Mas qual é a razão para as organizações adotarem esse sistema? Que vantagens competitivas ele traz? Que cuidados devem ser tomados ao implantar uma CSC que realmente contribua para a otimização da gestão?

Ficou interessado? Então continue a leitura para entenda por que a CSC é uma estratégia valiosa para o sucesso e como implantá-la!

O que é Central de Serviços Compartilhados?

A Central de Serviços compartilhados é um sistema de gestão que tem por objetivo padronizar e otimizar processos. Para isso, ela unifica as funções de diversos setores (RH, TI, contabilidade, comercial, marketing, etc).

Imagine, por exemplo, um negócio com diversas filiais. Ao invés de contar com um departamento de marketing, contabilidade, RH e TI em cada unidade, ela centraliza essas funções em um único local onde atende às necessidades de todos.

Quais as vantagens da CSC?

Entre os principais benefícios para uma empresa estão a redução de custos, elevação do nível de especialização, governança mais robusta, melhoria na qualidade dos serviços e maior produtividade.

Por sua especialização, a CSC garante suporte para o crescimento da organização. Afinal, livres das atividades específicas relacionadas à gestão, área corporativa e unidades de negócio podem focar no chamado core business da empresa.

Portanto, a CSC permite o compartilhamento de custos e processos com o objetivo de aumentar a produtividade e lucratividade da companhia.

Como garantir a eficiência da CSC?

No entanto, para obter esses resultados e otimizar a gestão da empresa, é necessário tomar alguns cuidados na implantação e direcionamento da central. Conheça-os e saiba como implementar essa estratégia com sucesso:

Tenha um líder para o projeto

A CSC traz impactos para diversos setores da empresa e dá início a um processo de mudança organ izacional profunda. Por isso, trata-se de um projeto que não pode ser deixado ao acaso e precisa de uma liderança firme para sua implantação.

Mesmo com a contratação de uma consultoria especializada, a empresa precisa contar com uma equipe própria e com um líder capaz e confiável para conduzir essa transição.

Crie um plano de implementação

Como já falamos, a criação de uma central traz impactos consideráveis para toda a companhia. Por isso, sua implementação precisa ser muito bem planejada e organizada, o que exige comprometimento total de colaboradores internos e consultores externos.

Uma forma de fazer isso de maneira segura é apostar na criação de um escritório de projetos. Ele vai definir metas e objetivos, controlar as entregas e acompanhar o andamento da implementação.

Disponha de uma consultoria externa

Um serviço de consultoria especializada pode ser muito útil no processo de implantação. Por terem vivenciado essa transição em outras empresas, os consultores podem auxiliar nos seguintes aspectos:

  • seleção dos gestores mais apropriados para a transição;
  • instrução dos gestores e equipes para as novas funções;
  • integração do sistema de processamento das informações;
  • monitoramento dos resultados;
  • geração de relatórios gerenciais direcionados aos decisores.

Realize testes para detectar pontos passíveis de correção

Toda mudança pode encontrar imprevistos, e isso é ainda mais comum quando se trata de uma transição com implicações tão significativas na cultura organizacional.

Por isso, os novos modelos de processos precisam ser testados primeiro em circunstâncias e ambientes controlados. Diante da constatação de sua correção e eficiência eles podem, então, se tornar regra e ser adotados dentro da companhia.

Considere a terceirização

Esta é uma solução encontrada por muitas empresas que reconhecem que certos prestadores podem cuidar de seus processos de forma mais eficiente. Esse tipo de alternativa costuma representar ainda uma redução de custos significativa, o que a torna atrativa para muitas organizações.

Entendeu como uma Central de Serviços Compartilhados pode otimizar a gestão de uma empresa? Gostaria de conhecer outras opções para alavancar o sucesso do negócio? Assine agora mesmo a nossa newsletter e receba mais novidades como essas  em primeira mão!

Escreva um comentário