Como colocar em prática a comunicação não agressiva na empresa

Instrua sua equipe nos pilares da comunicação não agressiva, faça a mediação de conflitos quando necessário e reforce esses valores na cultura da empresa. Estes são alguns passos para colocar a comunicação não agressiva em prática no dia a dia. Veja mais!

comunicação não agressiva

A forma como você diz algo é tão importante quanto aquilo que você diz. É fácil perceber isso quando uma crítica válida é transmitida de forma desdenhosa ou agressiva, fazendo com que ela não seja ouvida. Isso pode ser consideravelmente ruim dentro de uma empresa, onde as pessoas precisam conviver e se comunicar várias horas por dia. Nesses espaços, o ideal é tornar a comunicação não agressiva o padrão.

Talvez você ainda não tenha ouvido falar desse conceito, ou não entenda exatamente o que ele representa. Porém, depois que você se informar um pouco mais a seu respeito, verá como essa é uma das soluções ideais para minimizar problemas de convivência e melhorar seus resultados.

Para ajudar com isso, vamos explicar o que é esse tipo de comunicação, quais suas vantagens, como identificá-la e implementá-la. Acompanhe.

    Cadastre-se em nossa newsletter e receba gratuitamente os melhores conteúdos sobre atendimento!

    Chat em tempo real

    O que é comunicação não agressiva e como ela funciona?

    Também chamada de “comunicação não violenta”, esta é uma abordagem de comunicação focada em ouvir a demanda do interlocutor, além de melhorar sua habilidade de comunicar suas demandas claramente. Sua ideia central é que toda comunicação envolve e demanda uma necessidade. Compreender isso é uma forma de redirecionar seu discurso para algo mais amigável e produtivo.

    Ela se baseia em 4 pilares:

    • Observação: primeiramente, você deve prestar atenção a uma situação sem fazer julgamento. Apenas tentar entender os fatos e observar se há algo mais na mensagem;
    • Sentimento: o próximo passo é entender qual é o sentimento de resposta após a observação, seja ele de raiva, vulnerabilidade, alegria, nervosismo, vários ou nenhum;
    • Necessidade: em seguida, você deve avaliar a necessidade envolvida na fala. O que a pessoa que se expressou quis pedir;
    • Pedido: com todas essas peças em mãos, você tem o que precisa para elaborar um pedido que comunica sua necessidade com mais clareza e objetividade, o que evita agressividade e melhora suas chances de ser atendido.

    Por exemplo, ao notar que o mural de avisos da empresa está há muito tempo desatualizado, o gestor pode dar uma bronca no responsável. Ou pode dizer “Vi que você não atualizou o mural de avisos recentemente. Isso me deixa preocupado, pois precisamos dessas informações no dia a dia. Gostaria que você o atualizasse logo e se organizasse para mantê-lo atualizado.”

    Quais os benefícios?

    Você tem muito a ganhar ao praticar e incentivar uma comunicação não agressiva. Confira algumas de suas principais vantagens a seguir.

      [E-book] Performance e fidelização: a comunicação e o atendimento ideal

      Performance e fidelização: a comunicação e o atendimento ideal

      Facilita a resolução de conflitos

      Quando todas as partes sabem se expressar claramente e têm maior inteligência emocional, é bem mais fácil mediar um conflito e evitar que discordâncias se transformem em brigas. Algo muito útil em áreas multidisciplinares, em que várias pessoas com perfis diferentes precisam tomar decisões juntas.

      Melhora o clima organizacional

      Desde os gestores até os colaboradores comuns, essa forma de comunicação pode beneficiá-los bastante no dia a dia, ajudando a criar um clima organizacional mais receptivo. Uma qualidade importante de um bom ambiente de trabalho, mas que nem sempre recebe a devida atenção.

      Promove a empatia

      Uma pessoa empática é capaz de se colocar no lugar do outro, enxergar um problema de outra perspectiva e encontrar uma solução que seja boa para ambos. Essa postura é muito útil para promover a melhor convivência, além de ser uma habilidade muito útil em vários contextos profissionais.

      Otimiza o desempenho da equipe

      Por fim, mas não menos importante, uma boa postura de comunicação e convivência também tem impacto indireto sobre o desempenho da equipe. O tempo que normalmente é perdido apenas para resolver desentendimentos custa bastante em produtividade ao longo do dia, além de agravar outros problemas, como a procrastinação no trabalho.

        Controle a performance da sua equipe e garanta melhores resultados com a planilha de desempenho dos agentes de atendimento. Baixe agora!

        Planilha - Desempenho de agentes

        Como saber se a comunicação interna é não agressiva?

        É importante desenvolver uma comunicação interna não agressiva. Porém, como você pode dizer se ela foi ou não alcançada? Uma forma de se guiar é se fazer as seguintes perguntas.

        Há muitos conflitos interpessoais?

        Essa é uma questão simples, mas que também pode ser difícil de responder. Uma observação simples pode estar muito distante da realidade, mas uma mensuração clara dificilmente é possível.

        Nesse ponto, o melhor que você pode fazer é pedir o feedback da equipe, para que eles mesmos definam se há mais desentendimentos do que seria considerado adequado.

        Os argumentos são vencidos na base do grito?

        Se, além de haver conflitos, estes forem resolvidos sem argumentos racionais, mas sim com insultos e gritos, então você tem um sinal claro de comunicação agressiva.

        Os detalhes do que leva a esse tipo de discussão também são importantes para compreender qual é a raiz do problema.

        Críticas são direcionadas aos fatos ou à pessoa?

        Se você olhar essas discussões mais de perto, pode ser que note alguns padrões. Por exemplo, não há uma definição clara de qual é o problema, mas há declarações categóricas sobre a “integridade” ou “capacidade” das pessoas envolvidas, mas sem a busca por uma resolução.

        A conciliação é uma solução comum?

        Conflitos fazem parte de qualquer convivência, isso é inevitável. Porém, é importante ver se isso resulta em uma conciliação ou se o desentendimento persiste. No último caso, é sinal de que falta uma comunicação não agressiva em sua equipe.

        Como a comunicação não agressiva pode ser adotada pela empresa?

        A forma como essa comunicação é implementada pode variar bastante, mas existem algumas linhas guia pelas quais você pode orientar. Veja aqui algumas delas.

        Instrua sua equipe nos pilares da comunicação não agressiva

        Se você quer promover uma comunicação unificada na empresa, então precisa incluir treinamentos em suas estratégias. Montar palestras e materiais que expliquem formas não agressivas de expressão e como usá-las no dia a dia.

        Faça a mediação de conflitos quando necessário

        A melhor forma de promover mudança é pelo exemplo. Sendo assim, se você notar que há um conflito muito claro em seu negócio, tente atuar como mediador para alcançar uma resolução.

        Reforce esses valores na cultura da empresa

        Por fim, mas não menos importante, torne essa comunicação a base para sua cultura organizacional. Dessa forma, essas atitudes serão reforçadas no dia a dia.

        Agora que você conhece mais sobre comunicação não agressiva, é hora de colocá-la em prática em seu negócio. Depois de algum tempo, você verá como ela contribui com sua empresa, tanto do ponto de vista da convivência quanto do desempenho.

        Já conhece o Movidesk?

        Conheça o Movidesk! O melhor sistema de Help Desk!

        Movidesk é um sistema de atendimento que une recursos de Help Desk e Service Desk e pode ser utilizado tanto para a comunicação com os clientes, quanto para a comunicação interna.

        Nossa solução também torna as interações mais rápidas e mantém o histórico de cada uma delas. Somos um Help Desk prático, intuitivo e com mais de 75 indicadores de desempenho para você elevar o nível do seu suporte.

        Incrível, não? E os resultados são ainda mais surpreendentes, a Avell, gigante no mercado de notebooks de alto desempenho, conseguiu, com o sistema Movidesk, gerenciar mais de 100 mil clientes de forma extremamente eficiente.

        Como? Colocando em prática funções do sistema Movidesk, veja abaixo algumas delas:

        • Integração com e-mail: transforme solicitações feitas por e-mail em tickets e tenha acesso ao histórico de atendimento de cada cliente;
        • Dashboard e relatórios: com atualizações automáticas de toda a equipe e mais de 75 tipos de indicadores de desempenho;
        • Portal do cliente: seu cliente pode consultar o andamento de todos os tickets, criar novas solicitações de atendimento e acessar a base de conhecimento sempre que quiser;
        • Automação com gatilhos: crie alertas, estabeleça inúmeras regras de negócios e envie notificações personalizadas, ativadas por situações específicas e preestabelecidas.

        Quer conquistar bons resultados em todas as suas estratégias de atendimento e comunicação? Então, clique no banner abaixo e ganhe 7 dias para testar o Movidesk. Clique e aproveite!

        Teste o Movidesk!

        Deixe seu comentário